Grêmio vence com espírito de Libertadores

A classificação veio com sofrimento, mas veio. E isso é o que importa.

O Grêmio fez uma excelente partida. Calma, em comparação com o que já jogou desde a Copa do Brasil do ano passado, a atuação foi por momentos horrorosa. Mas em termos de Libertadores, uma competição que premia muitas vezes o time mais competitivo, mais aplicado e mais esperto, a atuação no segundo tempo foi muito boa, alentadora, compensando o que aconteceu nos primeiros 45 minutos.

O Grêmio jogou como se deve jogar uma Libertadores, onde muitas vezes vale mais a força, a dedicação, o empenho e a gana de brigar por cada bola. E quando fez o seu gol, o time de Renato deu aula de como truncar e picotar um jogo.

Está certo, cada escanteio para o Botafogo era como um filme de terror, tipo o massacre da serra elétrica, ou algo do gênero. Mas aí o sistema defensivo como um todo – o primeiro tempo foi assustador – funcionou de maneira exemplar. Até o Grohe chegou a sair fora da pequena área para afastar uma bola pelo alto.

Enfim, depois do gol, o Grêmio foi um time argentino. É o melhor elogio que posso fazer ao desempenho do time que vencia por 1 a 0 e não podia sofrer o empate de jeito algum.

Eu poderia escrever um pouco mais sobre o primeiro tempo, mas é duro relembrar coisas ruins do passado. O primeiro tempo foi de apagar da memória, porque foi tenebroso. Até Geromel e Kannemann ficaram atordoados, errando e cometendo faltas desnecessárias e perigosas.

Se o primeiro tempo foi do Jair, o segundo foi do Renato. Quando os dois times foram para o intervalo pensei com meus botões – meus melhores confidentes, porque não questionam nada – que chegara o momento de Renato provar de uma vez por todas que é o melhor treinador do futebol brasileiro atualmente.

Ou ele muda o modo de jogar do time, ou perde e irá arder no fogo do inferno de seus críticos, hoje menos verborrágicos, mas sempre à espreita para gritar: “Eu não disse?”.

Pois Renato encurralou o Botafogo. Não foi aquele futebol bonito de meses atrás, mas foi o futebol necessário para o que a situação exigia. Um futebol de muita garra, aquele em que não há bola perdida nem disputa frouxa como se viu em alguns lances do primeiro tempo.

Para completar, registro um erro de Renato, que escalou Léo Moura quando deveria ter começado com Éverton. Equívoco que Renato corrigiu a tempo, o que contribuiu para uma melhor atuação do time no segundo tempo.

Quero destacar mais uma vez o Fernandinho. Foi o atacante mais perigoso de novo, infernizou a defesa dos cariocas. O gol de Lucas Barrios, que a SporTV está tentando anular repetindo o lance trocentas vezes, saiu de uma falta sofrida por ele, o Fernandinho.

Aos que só enxergam defeitos no Fernandinho, jogador que eu já critiquei muito, pergunto: qual atacante do Botafogo fez perto do que fez Fernandinho? Insisto nisso porque não gosto de injustiça e de gente que morre abraçado com suas teses, mesmo que os fatos apontem diferente. Um pouco de humildade para admitir erros é sempre saudável.

No mais, destaco apenas o coletivo do Grêmio, porque individualmente as atuações ficaram na média 7. Um primeiro tempo sofrível, que me fez prever um desastre, e um segundo tempo alentador, estimulante, que me faz acreditar que o título da Libertadores é mesmo possível, mas desde que Luan esteja apto a jogar com a plenitude de sua forma.

O próximo jogo é contra o Barcelona do Equador, que eliminou o Santos na Vila. Fico pensando se isso acontece com o Grêmio, como seria? Eliminado por um time equatoriano dentro de casa. Cruel.

Entre Santos e Barcelona, eu preferia o time equatoriano. Até porque a altitude de Guayaquil é tolerável, 2,5 mil metros. ERRATA: é ao nível do mar.

 

Se gostou, compartilhe!

  • Rezende

    Ilgo o Grêmio, graças a Deus, jogou o mínimo minimorum para se classificar. 1 x 0.
    Em nenhum momento dominou o meio campo e tomou um calor do Botafogo no primeiro tempo.
    Resumo do Fernandinho, bola na trave e falta que originou o gol.
    Renato levou 35 minutos para desfazer a dupla de cascudos que escalou.
    Léo Moura no meio é para jogos de média e baixa pressão. Não dá para jogos decisivos, o tempo é foda.
    Fernandinho de pé trocado na esquerda é uma solução idiota reiterada do Renato que não dá certo.
    Ou o Renato fica com Barrios e Fernandinho pela direita (Everton no banco) ou com Barrios e Everton pela esquerda (Fernandinho no banco). Com Barrios, Everton e Fernandinho, com três volantes e sem meia, SINCERAMENTE, acho que deveria ser ARQUIVADO DE OFÍCIO pela direção…

    O Grêmio é o Brasil na Libertadores (a ivi vai dar esta capa como deu pros vermelhos anos atrás???)

    MAS o Barça genérico do Equador é melhor que o Botafogo e acaba de eliminar o time que está imediatamente atrás do Grêmio no Brasileirão…

    Se o Grêmio quiser jogar a final da Libertadores vai ter de jogar bem mais que jogou contra o Botafogo daqui a um mês, o Grêmio tem de:
    1) recuperar Luan;
    2) Fernandinho não jogar mais de pé trocado é ele na direita ou Éverton na esquerda. Os dois juntos só com Barrios fora;
    3) Renato tem um mês para se mancar taticamente e inverter o posicionamento de Ramiro e Arthur;
    4) O Maestro Cervejador tem um mês para voltar a ter um porte atlético e ser PELO MENOS opção de banco na SEMIFINAL;
    5) Amanhã é dia de torcer para o San Lorenzo junto com o PAPA FRANCISCO para se o Grêmio chegar a final, faça o segundo jogo na ARENA…

    O Brasileirão do Grêmio morreu HOJE, Corinthians e Santos que o disputem concentrados na competição..

    • Marcelo Sikinowski Silveira

      Ilgo, apenas uma correção. Guayaquil é na beira do Pacífico. Não tem altitude. Grande abraço. Vamos, Grêmio!

      • Ilgo Wink

        é verdade,
        matei muita aula de geografia e não consultei o google

      • Rodrigo Mello

        Em 95 jogamos a semi final contra o outro time de Guayaquil, o Emelec, quem sabe por uma feliz coincidência novamente ter uma equipe de lá não seja um bom presságio, lembro que naquela época o River Plate de Marcelo Salas e Ortega era o grande favorito, mas foi eliminado antes, como tem grande possibilidade de o ser agora, era o mais festejado Argentino inclusive pelos secadores de plantão. São bons presságios. Mas é preciso abrir o olho com uma equipe que eliminou na fase de Grupos o Estudiantes, o atual campeão Nacional, o milionário Palmeiras e o até então invicto Santos. Passo a passo, devemos nos preocupar como próximo, sem se preocupar com o outro lado da chave, contra o Cruzeiro já pensávamos lá na frente e nos decepcionamos. Tenho plena confiança que com a recuperação de Luan a coisa melhora, mas é preciso torcer para ninguém mais se lesionar. Mas pensa numa madrugada que demorei a dormir de felicidade. Grêmioooooooooooo

    • Alexandre

      Discordo do item 3. Ramiro nunca rendeu de volante, tanto que era criticado por quase todos os gremistas quando atuava ali. Foi jogando mais avançado e pelo lado de campo que passou a jogar bem e ser decisivo.
      Uma opção a ser avaliada seria ele jogar aberto pela esquerda, com Fernandinho pela direita e Luan centralizado.
      Além disso, o Arthur é volante, o jogador que inicia as jogadas do campo de defesa.

      • Rezende

        Até o Renato escalar o Ramiro na função do Giuliano, ele era também apenas um volante.
        Atuando ao lado de Douglas foi uma das chaves do campeonato na Copa do Brasil de 2016.
        Arthur é melhor volante que Ramiro, me parece óbvio que há uma boa possibilidade de que Arthur possa render ainda mais que Ramiro “na função do Giuliano” hoje.
        Será um CRIME se o Renato não testá-lo mais a frente como volante/meia.
        Se Ramiro ficar de segundo volante nada impede deles inverterem de posição se o jogo permitir.
        SE o Ramiro não render o suficiente como volante, em breve poderemos (ou deveremos saber) se o Cristian vai disputar posição de primeiro volante com Michel ou segundo volante se o Ramiro for recuado. Arthur é titular ABSOLUTO no momento.
        MEU time ideal se tudo der certo para o primeiro jogo da semi-final da Libertadores seria voltar ao esquema tradicional e de sucesso do Grêmio com DOIS atacantes, um MEIA 10, um meia/volante e dois volantes.

        Marcelo Grohe, Edilson, Geromel, Kannemann e Cortez
        Michel, Ramiro (Cristian), Artur (meia/volante) e DOUGLAS.
        No ataque , Luan e Barrios.

        Como uma coisa que JÁ SE SABE, da mesma forma que Fernandinho não rende pela esquerda, Luan não tem velocidade e não RENDE como segundo atacante.

        Cabe ao Renato e a Luan e Barrios de ACHAR um modelo diferente para que os dois joguem JUNTOS.
        Ou os dois jogam lado a lado se procurando em tabelas mais centralizadas ou Luan joga de falso nove e Barrios fica como atacante de lado. Não é o MELHOR para o Barrios, mas acho que o Gringo pode ser um melhor segundo atacante que o Luan.

        SE o Renato e os atletas não acharem uma MECÂNICA de jogo para atuarem juntos, teremos que escolher entre Luan e Barrios e entre Everton pela esquerda ou Fernandinho pela direita.

        Se o Douglas voltar temos que ao menos TESTAR o Arthur ao seu lado e decidir entre Ramiro, Michel e Cristian quem serão os dois volantes titulares, Jailson e Kaio não disputam posição de volante titular.

        Vou observar o que que o Renato fará até 25 de outubro.

        A Libertadores moleza acabou com o 8 x 0 do River Plate…

        E o San Lorenzo perdeu sua vantagem para o Lanús, mas ainda falta o segundo tempo…

        • Alexandre

          Com essa escalação, o time ganha em qualidade e criatividade, mas perde em velocidade e chutes de média distância. Acho que poderia funcionar, caso fosse treinada com frequencia, o que não será o caso, uma vez que o Douglas não deve voltar esse ano, e se voltar dificilmente terá a mesma performance do final de 2016.

          Ainda acredito que o melhor a fazer é manter a estrutura de time que vinha jogando o melhor futebol em não sei quantos anos até 2 meses atrás, com Michel e Arthur de volantes, Ramiro como meia direita, Luan na meia central e Barrios de centroavante. Falta o substituto do PR. Com 6 jogos oficiais e 1 mês até a semi final, é o momento de testar o Arroyo por ali, já que quando contratado, foi anunciado como substituto do Pedro. Se não der certo, que se teste o Everton ou o Beto, embora eu duvide de ambos.
          Outra alternativa seria deslocar o Ramiro pra esquerda e ver como se adapta.

    • Ilgo Wink

      Olha como é o futebol. Nós temos opinião sobre tudo e sempre achamos que nós é que estamos certos. Pois o Renato não segue a tua cartilha e é semifinalista sem poder contar com o melhor jogador do país, que é o Luan, depois de perder Pedro Rocha.
      Tivesse os dois teria liquidado a fatura no jogo de ida.
      Mas independente disso tuas ideias são boas.
      Fora isso, não me preocupo com o San Lorenzo ou qualquer outro. Cada passo de uma vez pra não tropeçar.

      • Rezende

        Ilgo eu quero falar de SORTE, no futebol quando não há um desnível técnico acentuado entre as equipes o vencedor muitas das vezes é definido pela SORTE ou AZAR (ou mala-suerte).
        O Botafogo deu sorte quando o Renato e a direção do Grêmio resolveu entrar de férias antes da rodada final do Brasileiro de 2016 e ajudou o Botafogo a se classificar para a Pré-Libertadores.
        Barrios teve a sorte de que o Grêmio o quis mesmo desacreditado no Palmeiras e o trouxe para cá e por sorte o Palmeiras o dispensou…
        Por outro lado, mesmo no competente trabalho de Jair Ventura e do Botafogo, houve um momento que houve uma crise entre Camilo e Montillo, Jair e a direção do Botafogo tomaram partido do Montillo, Camilo veio para o arqui-rival e Montillo encerrou a carreira e aí (mala-suerte) na apertada partida de ontem o Camilo PODERIA ter feito a diferença que o Botafogo necessitava se classificar.
        Imagine-se HOJE a situação pessoal do Camilo, saiu do Botafogo por não se conformar em ficar no banco na série A e na Libertadores… Queria ser titular…
        E aí vai para série B e o grande Gordiolla na série B o põe de bancário novamente.
        O que estaria sentindo o Camilo hoje? EU no lugar dele estaria me sentindo UM IDIOTA…
        É caso similar do Gastón Fernandez que estava lá no Chile e o Grêmio o trouxe para jogar no lugar do Douglas que estava afastado por ruptura dos ligamentos do joelho e o Renatão deu ZERO chances para ele jogar no lugar do Douglas… E o cara (como o infeliz Camilo) pediu para ir embora…
        Culpa só dele ou compartilhada com o Renato ???
        Não poderia o Gaston Fernandez fazer ONTEM a função para que foi contratado.
        E o Douglas, que boleiro demais, não estava disponível por não ter se cuidado fisicamente (ou não ter sido devidamente cuidado) pelo arrogante e conservador departamento médico e de fisiologia do Grêmio durante sua recuperação ? Demos SORTE !!!

        Sou espiritualista e ACREDITO nos Deuses do Futebol, eles existem
        E se eles estivessem de mal com o Grêmio ONTEM certamente o Botafogo teria saído classificado. Aquela bola na trave do Botafogo poderia tanto ter batido na volta na cabeça do Marcelo Grohe e entrado, ou tocado nele e sobrado para algum Botafoguense livre, mas saiu sem consequência para o Grêmio.
        Se os deuses estivessem a fim de tripudiar sobre o Grêmio, como fizeram muitas vezes no passado, poderiam ter urdido uma trama de sorte para que numa jogada isolada o Grêmio fosse desclassificado por um empate de 1 x 1 numa jogada bandida qualquer com um gol de chiripa de Guilherme ou Brenner. Imagine o tsunami que a ivi iria fazer… ESCAPAMOS…
        Os Deuses do Futebol, concederam a GRAÇA do imponderável gol salvador que o Grêmio ONTEM (e que não fazia por merecer) pois no meu entendimento o Grêmio fez um DUPLO SACRIFÍCIO a estes terríveis, impiedosos e volúveis deuses futebolísticos quando perdeu em seguida (Chapecoense e Vasco) dois jogos no Brasileiro em que jogou melhor que seu adversário e foi PUNIDO IMPIEDOSAMENTE com um 1 a zero contra si tanto fora como dentro de casa.
        Ficou com “crédito divino” em aberto com as Altas Divindades do Olimpo do Futebol, coisa que o Botafogo não pagou à mesma época…
        O Corinthians foi tremendamente beneficiado por estas entidades espirituais e a OUTRA TERRENA o apito de ouro da CBF. Mas ontem tremendamente ingratos, esbravejavam PATETICAMENTE pela falta da ajuda das duas entidades contra o Racing na Argentina e na competição da… Conmebol.
        ROLEI de tanto rir… Que deliciosa IRONIA…

        TALVEZ por isso mesmo, suas excelências, as Divindades, no vinte de setembro, decidiram dar uma aliviada para o Grêmio…

        Amém, Deodorum Pede Pila !!!
        Eu creio em vós…

        • Rodrigo Mello

          Não concordo em compartilhar o caso do Fernandez, culpa exclusivamente dele que ficou de beicinho, se tivesse paciência, teria jogado mais agora com os desfalques, foi imediatista como o Camilo que Tu deu exemplo. Chances ele teve, não teve foi perseverança, um adulto não pode agir como criança mimada como ele agiu. Foi embora e quem perdeu foi ele não nós, pois abre vaga para mais um guri, o Patrick.
          Quanto à lesão do Douglas, independe de ser boleiro ou não, o esporte de alto rendimento tem disto, no caso dele pesa a idade para sua recuperação, pois quando jovens atingimos o ápice mais rápido e conseguimos manter, acima dos trinta anos demoramos pra engrenar e perdemos muito rápido o que conseguimos as vezes com muito esforço, sem contar a individualidade biológica de cada um. Ai vai dizer que o cara não é profissional, depende do ponto de vista de cada um, mas um cara que chega aos 35 anos jogando só em equipes de ponta (muitos antes dos 25 já encerraram a carreira, mesmo talentosos) é porque é sim um bom profissional na área. Mas como te disse tudo é questão de ponto de vista e isto é muito pessoal, não há verdade absoluta em nada. Mas eu acho que Renato sendo o único técnico que sobrou entre mais badalados na competição mais difícil das Américas , tem sim uma grande parcela de acerto, agora o erro, isto é algo impossível de não ocorrer.
          Te dou um exemplo, Bernardinho um cara que dispensa comentários, sempre foi criticado, hoje vejo os mesmos que o criticavam falando mal do Renan Dal Zoto e falando com saudosismo do Bernardinho. Renato erra e vai continuar errando, mas dos últimos é estatisticamente (não estou falando de opinião) é o que melhor deu resultado e se formos comparar com outros ídolos (exceção de Zidane) é o que melhor teve desempenho na inevitável comparação ídolo-treinador (Rogério Ceni que o diga). Agora que existem coisas que ele deve melhorar, não tenha dúvidas, mas sempre haverá o bruxo,isto todos nós temos aquele camarada da confiança, o cara que vou levantar uma bola espetada porque confio que ele não vai se esconder e vai encarar um bloquei triplo pra compensar a cagada que fiz, vou deixar ele ser o meu último atleta no revezamento porque sei que o cara não amarela e não treme na hora do tiro, Fernandinho no caso é o cara da confiança, pois apesar de suas deficiências ele se esforça ao máximo, mesmo fazendo tudo errado as vezes, mas o cara dá acara a tapa e isto é importante em qualquer esporte, ai a questão do posicionamento é o técnico que tem que ver isto, pois lá dentro as vezes o sujeito não vê que tá fazendo errado.Mas nada que o treinamento e repetição não melhore. Perfeição meu amigo, jamais veremos em Esporte.

        • Ilgo Wink

          Muito bom

          • Rezende

            E não vai ter moleza na Libertadores, vamos ter de passar pelo Barça Equatoriano na semifinal e na final é River Plate ou o Lanús mas jogando a segunda partida da final na Argentina…
            Que raiva, nesta hora, daquele jogo poupado para o RuraLITO contra o Iquique e daquele jogo contra o Zamora na última rodada da fase de grupos que mesmo SABENDO que precisava de 6 gols para passar o Lanús e 7 para passar o Atlético-MG como melhor campanha da fase de grupos, o Grêmio “se poupou” em campo e se satisfez com um mísero 4 x 0 aos 19 minutos do segundo tempo…
            Mas a probabilidade mais real e lógica, se o Grêmio chegar a final, é de mais de 90% de que seja o River Plate mesmo o seu adversário…

            Só para lembrar um FATO RELEVANTE, na semifinal e na final teremos VER***.

            E certamente MUITA CONFUSÃO e retângulos desenhados no AR…

            *** Video External Refree ( o famigerado e confuso Arbitro de Video, versão CONMEBOL), confusão GARANTIDA…

          • Ricardo

            (é VAR – video assistant referee)

          • Rezende

            Usam as duas expressões na mídia, mas a oficial FIFA é VAR mesmo.. Thanks…

            https://football-technology.fifa.com/en/media-tiles/video-assistant-referees-var/

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Amigo, Libertadores é pegada e raça, sempre foi.
        Por isso Renato fez o time passar.

  • Davi Calil

    Boa Ilgo, perfeito. Não tenho nada a contribuir. Renato mostrou que é técnico. E ganhamos como eu tinha dito no comentário anterior. Na raça, na sorte, na garra. Fernandinho rende na direita. Entendo o Renato dos perigos de colocar o Everton desde o inicio do jogo na esquerda. Mas Léo moura improvisado não vem bem. E na entrada do Everton( não sou fã mas…) Renato acertou o time. Agora o TRI é realidade. Não haverá mais retrancas caso Jorge Wilsterman não vá pra final. E contra esses estilos de jogo, o Grêmio costuma se dar bem. Em 1 mês recuperaremos Luan. Aí eu quero ver. Dalheee

    • Ilgo Wink

      Acho que com o time completo temos grandes chances. Torcendo pra que os melhores não se lesionem

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Verdade, precisamos poupar nossos guerreiros, Libertadores sem os titulares inteiros é suicídio.

        • Pedro de Lara

          Uiuiui, Copião. Nossos. guerreiros…
          Recomponha-se, Copião.

  • Juninho Street

    Ufa, foi sofrido mas avançamos e as chances de título aumentaram pois considerava o Santos e River junto com o Grêmio os favoritos, agora temos mais de um mês para recuperar o bom futebol apresentado no decorrer do ano.

    • Ilgo Wink

      Cada jogo da Libertadores nesta reta final é sempre um parto, e não importa se um time tecnicamente é muito superior ao outro

      • Juninho Street

        Concordo que cada jogo é uma batalha a parte e nunca é fácil, mas prefiro jogar contra um time inferior tecnicamente pois os melhores tecnicamente tem jogadores que podem decidir um confronto com individualidades de seus melhores jogadores como nós que dependemos dos craques (Luan,Barrios,Geromel,arthur) sem eles fica muito mais dificil.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Por isso concordo contigo, ponto pro Renato, responsável direto por essa classificação.
        Os anti, pira.

  • Fabiano Adamy

    Ilgo, bom dia.
    Vitória sofrida, suada, daquelas que nos dão a impressão de que tem algo bom reservado para nós ao final do campeonato.
    Mas, e aqui cabe aquele mas chato que sempre aparece, ela não pode esconder os inúmeros defeitos do time.
    O primeiro e mais óbvio, por ti comentado, é que Leo Moura não pode nunca, mas nunca, jogar no meio, como armador (ou qualquer outra função, mas foi nessa que ele foi escalado; também acho que perdeu o fôlego para jogar na lateral e hoje seria apenas uma opção para uma emergência no time titular). Foi com ele nessa função que perdemos o gauchão para o nada glorioso Noia, foi com ele na função que tivemos nossas piores atuações no brasileiro, como domingo, enfim, já tivemos várias mostras de que ele nada rende quando joga na meia. Então chega de botá-lo lá. Acho que ontem Renato aprendeu isso, pois sua substituição aos 36 minutos de jogo é daquelas para o cara pensar em aposentadoria.
    Mesmo porque quando Leo Moura joga o Ramiro sai da única função onde rendeu nesse tempo todo no Grêmio, que é pelo lado do campo. Ele nunca joga nada, embora sempre se doe, quando joga pelo meio, seja recuado como primeiro ou segundo volante, seja avançado como meia que ele nunca teve o menor cacoete para ser.
    Espero que o Renato mostre o vídeo do jogo para o Edilson e explique para ele que não pode fazer falta na meia-lua da grande área quando o atacante está de costas para o gol e o lance não tem maior perigo. Parece que com 31 anos ele ainda não aprendeu isso, ainda levando o amarelo que poderia complicar o jogo, pois ele sempre está sujeito a levar o segundo.
    Por fim, que o Marcelo Grohe não chute mais tiro-de-meta para a lateral aos 44 do segundo tempo, quando tudo o que precisamos é reter a bola e amorcegar o jogo contra um adversário babando.
    Geromito e Kanemann, após um primeiro tempo assustador, foram soberanos no segundo, espanando todas para o lado onde o nariz estava virado.
    Mas hoje vamos comemorar, pois acredito que é no sofrimento que se forjam os campeões.
    Saudações tricolores!

    • Fabiano Adamy

      Agora que vi: refiz meu cadastro no disquos e deixei de ser Fabiano SC, agora aparece meu nome.

      • Ilgo Wink

        Sempre que alguém opina com seu nome tem mais valor, mais peso, mais legitimidade.
        Mas cada um cada qual

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Também acho (kkkkk).

    • Ilgo Wink

      Lembraste bem aquele lance do Edilson. Se sai gol ali era pra rescindir contrato no vestiário

  • Deny Camargo

    O Renato dos últimos jogos parecia ter deixado de ser o Renato que voltou ao Grêmio em 2016. Parecia ter aderido ao SINPOF e perdido a coragem.

    Ontem ele tinha um dilema. Ou mantinha a escalação equivocada com o Leo Moura e não faria um mísero gol, ou teria humildade e reconheceria o erro colocando o Everton. Ainda bem que a humildade venceu e Renato fez o certo.

    Ontem dei um sorriso quando o Renato tirou o Ramiro para colocar o Luan em vez de colocar Bressan ou outro zagueiro. Pensei comigo mesmo: “o meu treinador está de volta”.

    O jogo de ontem era o dia “D”. O próximo também é. Com o time equatoriano desfalcado do seu artilheiro e de outro jogador o Grêmio não tem que jogar para voltar vivo para Porto Alegre, tem é que jogar para voltar classificado do Equador e só administrar na Arena.

    • Ilgo Wink

      Veja, o Grêmio jogou pelo empate fora (coisa sempre tão criticada, inclusive por mim) e por uma bola em casa.
      Conquistou a vaga.
      Uma coisa é aderir ao sinpof, outra é saber o que time que tu tens na mão. No caso, lá, sem Geromel e Luan.
      Não dá pra se meter de pato a ganso.

  • João Batista Silveira

    Ilgo, perfeita sua análise, e, apenas para colaborar (vai que essas opiniões cheguem ao Renato): Fernandinho só joga bem pela direita, quando entra em velocidade e corta para bater em gol. Na esquerda, ele corta para fora, sai da área, e não oferece perigo. Até hoje não entendi, salvo que seja por birra, a escalação dele pela esquerda. Abraço.

    • Ilgo Wink

      Acho que o Renato não vai mais colocar o Fernandinho pela esquerda, é um erro sem dúvida

  • Alexandrebg

    Perfeita a sua análise, Ilgo! Também tive os mesmos sentimentos durante o jogo…
    Um detalhe chamou minha atenção, ao final do jogo: No glorioso ano de 1995, após levarmos 5 a 1 do Palmeiras e nos classificarmos graças ao gol do Jardel, o Cafu, em entrevista pós-jogo, disse que torceria pelo Grêmio na Libertadores daquele ano. Pensei na época: que gesto nobre! Marcou em minha memória. Ontem, o Bruno Silva fez a mesma coisa.

    • Ilgo Wink

      Bem lembrado, nobreza de espírito é coisa rara no futebol. E em toda a parte

  • Alexandre

    1° tempo horroroso, talvez o pior do time jogando em casa no ano. Melhorou após a entrada do Everton, embora o mesmo não tenha feito grandes coisas, mas o time se ajustou mais e passou a jogar mais na frente. Um pouco antes do gol, o Grêmio já era melhor no jogo e após isso, passou a dominar as ações, não oferecendo ao Botafogo qualquer oportunidade de empatar.

    Não gosto do Barrios, acho caneludo demais, mas tenho que elogiá-lo por ontem. Fez um grande jogo, não só pelo gol. Jogando isolado a maior parte do tempo, conseguiu fazer tabelas (que não seu forte) e ganhou a maioria dos lances por cima.

    Um mês para se preparar para as semi-finais, onde muito precisa ser melhorado. O Barcelona é um bom time, embora seja mais perigoso, para mim, jogando fora de casa.

    Sem Luan e PR, o Grêmio caiu muito de rendimento nas últimas partidas. A saída da dupla tirou muito da criatividade ofensiva, causando impacto negativo na performance dos companheiros de ataque, Ramiro e Barrios. Com a volta do Luan, é de se esperar que o time melhore significamente. Resta ao Renato definir o substituto do PR. Como comentado por muito, Fernandinho não rende pela esquerda. Com isso, ou ele joga o Ramiro para aquele lado, ou tira o ‘dinho do time para colocar Arroyo ou Everton.

  • Walter Luis Borba

    Ilgo,

    A primeira frase do seu post diz tudo. O que importa é que a classificação veio.
    Renato tem um mês agora para ajustar o time, e que por favor, NÃO POUPE mais ninguém…!!!

    Ah, ontem o Renato teve um ponto comum com Celso Roth….
    A hora que ele botou o Jailson e eu pensei…:

    “Todos os técnicos devem ter um “Manual Rothiano” ensinando a escalar volantes aos 35 min do segundo tempo”.

    O Roth é o técnico mais Copiado do Brasil.
    O Homem Fez escola.

    Que Renato volte logo para o ponto comum dele “a la” Telê Santana. …

    • Ricardo

      Felipão fazia isso em todos os jogos decisivos, antes de existir o Roth. Tirava o Paulo Nunes e botava o Gelson…

      • Rodrigo Mello

        Lembro bem disto, o Gelson veio do Criciuma só para isto, entrar e dar chutão na bola e nos adversários, ferrolho.

    • Ilgo Wink

      Walter, colocar jogador pra garantir objetivo não é coisa do Roth, é de TODOS os técnicos.
      Enio Andrade fazia isso e também o Telê, que num grenal lá pelas tantas colocou Oberdan de centroavante.

      • Fabiano Adamy

        Ilgo, o Grêmio estava perdendo o jogo em que Oberdan foi para a frente, com um zagueiro entrando no time; deu certo, acabamos virando.
        Quando meu pai conheceu Oberdan (eu e o filho dele nos formamos juntos) lembrou desse episódio, pedindo para lhe dar um abraço, pois realizava o sonho de conhecer um dos heróis de 77. Nunca esquecerei de ter-lhe proporcionado essa alegria, que estava estampada na cara dele.

        • Ilgo Wink

          Oberdan jogava muito

    • Juninho Street

      A que vc se refere a NÃO POUPE mais ninguém ?
      Se for relação ao brasileirão aí eu ja desisti pois foi muitos pontos desperdiçados e não acho mais que seja possível ser campeão, agora é todas as fichas para o trí da Libertadores e usar esse pouco mais de 1 mês para fazer teste para achar o substituto ideal do Pedro Rocha, pois o restante do time é o mesmo brilhou pouco tempo atrás e deixou todos nós confiantes.

  • Pedro Cunha

    A classificação pode ser creditada na conta do GIGANTE chamado Geromel. Os sustos no primeiro tempo podem ser colocados na falta de ritmo do jogador que estava parado faz um mês, mas logo que se ambientou voltou a ser o monstro que a gente conhece. Que jogador! E ontem, com a merecida braçadeira de capitão. Quero ele erguendo a Copa e eternizado na Calçada da Fama!

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Não diga isso, amigo, os anti pira.

  • wilson santos

    Foi mais dificil do que se imaginava, o primeiro tempo foi lamentável.
    Time nervoso, errando passes e dominios faceis, nunca vi errarem tanto, muitos jogadores mal individualmente.
    Renato escalou mal, mas dessa vez ele foi corajoso e corrigiu ainda no primeiro tempo.

    Mas o importante foi passar, agora se reorganizar e recuperar o Luan.
    O Barcelona é perigoso, mais que esse Botafogo, nao podemos jogar igual hoje.

  • wilson santos

    Eu acho que Renato deveria apostar em Patrick, ele sempre entra bem.
    Poderia testar o guri no time titular nestes jogos do BR que antecede a decisão das semifinais da LA.
    Talvez ele seja o jogador que falta para elevar o nível do time.

    • Ilgo Wink

      Ele vai ser inscrito agora, e vai jogar

  • Mauro

    Ilgo, comentei ontem aqui no blog que o jogo de ontem tinha tudo para ser um divisor de águas em 2017. E, para o bem, foi! Agora vamos ter tempo para descansar a cabeça e arrumar a casa com calma, recuperar formas físicas e técnicas. Tenho pra mim que vamos retomar a curva ascendente no momento certo.

    • Ilgo Wink

      Garantimos vaga sem jogar um bom futebol em termos técnicos. Imagine se dermos uma melhorada na reta final

      • GremioSempre

        isso !

  • Daniel Scherer

    A classificação veio do jeito que poderia ter vindo, na base da vontade, lance de bola parada e gol de cabeça. Imaginar algo diferente era utopia. Então ganhamos e estamos na semi, e isso para o momento era o que importava, o risco era grande de terminarmos o ano em setembro e aí seriam três meses só reclamando e pensando nas cagadas estratégicas.
    Então foi do jeito que dava.
    Agora, temos tempo, digo, Renato tem tempo para rever algumas questões.
    Primeira delas é colocar Léo Moura e deslocar Ramiro tu deixa o time com dois a menos, nem um nem outro sabem fazer as funções. Colocar Léo Moura para fazer a do Ramiro e Ramiro para fazer a do Luan são dois erros absurdos que o Renato insistiu por incriveis TRÊS partidas e graças a Deus aos 35 min ele teve a humildade e a sabedoria de desfazer essa cagada monstra. Antes tarde que nunca. Ramiro só pode jogar na função que o próprio Renato encontrou para ele, porque desfazer o que ele mesmo acertou? Cabeça de treinador é um mistério. Léo moura é reserva do Edilson ou o contrário. E ponto. Não inventa.
    A segunda coisa é refazer a estrutura do time, e para isso o time TEM QUE JOGAR. Tem que parar com essa palhaçada de poupar todo o time, que um ou outro seja poupado é compreensível, mas todo o tiem acontece o que está acontecendo, o time perde o ritmo.
    Quem faz a do P. Rocha?? Não sei, o que sei é que nem Fernandinho e nem Éverton fazem. Talvez ninguém faça. Então tem que alterar o esquema um pouco. Talvez dois meias e dois volantes mais fixos. Quem sabe dar ritmo ao Christian e fixar ele com Michel e deixar Arthur mais solto com o Luan??? Não sei, Renato é quem ganha para isso, ele só não ganha pra insistir em algo que está todo mundo vendo que não está dando certo.
    Mais um detalhe, Grêmio precisa ter mais gente dentro da área, tem pouca gente chegando e principalmente para o rebote ofensivo. Ontem umas três vezes a bola sobrou na entrada da área do Botafogo e não tinha ninguém.
    Enfim, passamos pelo olho do furacão, temos agora um período de calmaria que se tivermos competência e tranquilidade o sonho do tri pode virar realidade.
    Em tempos, não vamos entrar na conversa da IVI de que o Barcelona é galinha morta, já basta o combustivel que foi dado aos cariocas. Era hora do Bolzan e do Ico entrarem de sola nos Zinis da vida e dar uma porrada para que eles parem de jogar contra. O Grêmio precisa se posicionar contra esses absurdos que essa imprensa podre faz.

    • Ilgo Wink

      Daniel, tua análise é muito boa. Só estás esquecendo de uma coisa: do outro lado tinha um time forte, traiçoeiro, jogando no nosso erro, e que precisava só de um golzinho pra nos ferrar.
      Sem Luan, Renato tratou primeiro de armar um esquema pra não levar gol. Só que não deu muito certo. O gol deles não saiu por detalhe e também por causa do Grohe.
      Renato povoou o meio campo, Léo Moura é experiente, mas não deu certo em função do posicionamento do adversário. Pelo menos corrigiu em tempo.

      • Daniel Scherer

        Estás correto Ilgo, nunca esqueço que jogamos contra outro time e que este também tem seus méritos. Não estou entre aqueles que só enxergam defeitos no Grêmio e nunca vêem os méritos dos outros.
        Inclusive deixei bem claro que o resultado de 0x0 na ida não tinha sido um bom resultado exatamente porque iria proporcionar ao Botafogo jogar da forma que jogou. O peso estava todo do lado do Grêmio.
        Minha critica é que o Renato insistiu demais em colocar o Léo Moura sendo que contra o Vasco já tinha se visto que não daria certo, teve ainda a ida contra o Botafogo e o jogo contra a Chapecoense. Ele podia ter tentado algo diferente antes, correu um risco enorme, mas como tu bem colocas, corrigiu a tempo.
        Erros fazem parte de qualquer treinador, o mérito é reconhecer que está errado e corrigir.

        • Ilgo Wink

          Perfeito

    • Detective

      Prezado Daniel Scherer: Não temos imprensa esportiva podre no RS. Imprensa podre, a meu ver, seria uma parcela ínfima da imprensa de um determinado local, ramo, veículo, etc. agindo com falta de ética, escrúpulos, etc. O que temos no RS é um bando de patifes, à frente dos veículos de comunicação, mídias, plataformas ou como se queira chamar, cujo intuito é destruir o Grêmio. Estamos diante da pior imprensa esportiva do Brasil: a I.V.I. (com pontos para conotar máfia). Os denunciantes pré-RW foram os falecidos e grandes Antônio Augusto e Paulo Sant’Ana. O pior de tudo é que não se vê uma reação por parte de nossos dirigentes, mas acredito no Tricampeonato da América neste ano. Abração.

  • GremioSempre

    Ainda sem voz e emocionado…, só venho para dizer uma frase ” urubuzaba pira ” Copiao cade você ? esta viajando ainda ? cade os “catedráticos dramáticos” de ontem?! devem estar pela resenha …. Cheiro e gosto de Tri ! Grêmio Sempre !!

    • Rodrigo Mello

      Deixa quieto pelo amor de deus, os caras já estão putos da vida, imagina provocando….vamos aproveitar uns dias de calmaria, até Domingo……

      • GremioSempre

        sim , mas fui obrigado.

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Parabéns. Falasse tudo.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        É possível entender qualquer reação contra os urubus sempre de tocaia por aqui porque só agem com anti-Gremismo, amigo ….. !!!!!

        Certeza absoluta que estavam torcendo ontem “contra o clube, Bolzan & Renato para virem depois aqui sustentar o tradicional “eu não disse” que o Ilgo citou lá em cima, mas eles nunca dizem nada, graças à Deus, aí, Renato classificou o time para as semifinais da Copa Libertadores 2017.

        Os anti, pira. Normal ….. !!!!!
        Oremos ….. !!!!!

      • Pedro de Lara

        Tu te revelou um boboca. Cheio de mimimi. Longe das tradições da caserna. Deve ser o capacho dos oficiais.
        Também, foi na onda do Bobalhão de Tudo…

        • Rodrigo Mello

          único boboca aqui é tu entidade do além, para de criar briga com todo mundo, vive criando encrenca, se isto te faz bem, arrumar encrenca na Internet, procura outro. Ou melhor arruma uma mulher pra ti e para de encher o saco, o que tu pensade mim vale menos do que um cachorro cagando. Porque eu assino o que escrevo, tu não é homem nem para isto. Tu não sabe nada de tradição de caserna, tu só sabe arrumar desafetos por isto não tem coragem de botar o teu nomezinho, então segue na tua briga com o teu desafeto mas me deixa de lado, não gosta do que escrevo, ignora e pronto. Tem o direito de não gostar do que escrevo, mas não escrevo pra ti. Analise com cabeça fria a merda que escreveste e verás que não é necessário arrumar briga com todo o mundo.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Rodrigo, faça como eu fiz a 35 dias com esse imbecil, bloqueia essa anta e tu não verás mais nada do que esse urubu escreve, pois ele pensa e digita pelos intestinos. Só aparece o nome dele quando alguém responder algum comentário à ele, mas não verás nada das werdas que “ele escreve”.

            Como fazer: coloque o cursor sobre a foto ou nome do infeliz, vai surgir uma seta apontando pra baixo no canto direito da janela ao lado de um sinal de (-)▼, clique na seta e bloquear usuário. Pronto, o urubu estará bloqueado e nada do que ele escrever aparece pra você.

            Abraço, bom fim de semana e viva a harmonia do Blog.

          • Rodrigo Mello

            o cara é doente mesmo, não tem explicação, vou seguir o conselho.

  • FERNANDO

    Os jornalistas “isentos” e “imparSCIais” aqui da aldeia já estão fardados de Barcelona de Guayaquil. Ontem o clima de velório na IVI da Avenida Ipiranga era constrangedor. Pedro Salmão Legado e companhia que o digam.

    • Rodrigo Mello

      E estão mais ainda porque o River tá quase fora, aposto que em seguida vão começar a “desprezar” o nosso adversário e dizer que a Libertadores está nivelada por baixo kkkkkkk.

  • Fabio Scheffer

    Felizmente o objetivo foi alcançado.
    Mesmo jogando um futebol abaixo do que já jogou o Grêmio conseguiu fazer valer o fator local e sua tradição pra carimbar sua passagem para a semi-final.
    Nas figuras de um Grohe muito bem embaixo dos paus (e dando susto fora deles como sempre), um Geromel voltando de lesão e tendo o parceiro Kannemann em uma noite ruim, um Fernandinho muito móvel e perigoso, e um Barrios exercendo a sua função de matador, foi que o Grêmio alcançou seu objetivo.
    Agora com o grupo quase todo recuperado fisicamente, e o acréscimo do Crstian e do jovem Patrick a lista, vamos jogando pra manter o nível no Brasileirão e chegar voando contra os equatorianos.

  • Ricardo Gomes

    Estava lá, Ilgo. Borrachos no descontrole, Arena pulsando. Estádio com muita, mas muita alma! Foi na raça. Ainda afônico. Que venha o Barcelona!

  • gremiocampeaomundial

    0x0 lá, 1×0 aqui.

    Golinho de cabeça do matador Barrios.

    Manchete no GE: “Barrios decide com primeiro gol de cabeça no Grêmio e revive Jardel nos anos 90”

    Jogo do GRÊMIO, futebol de GRÊMIO… só podia mesmo dar resultado de GRÊMIO né?

    Só espelando pla ouvir o cholo: “O ADVERSARIO JOGOU MELHOR E BLÁ BLÁ BLÁ… E POSSE DE BOLA BLÁ BLÁ BLÁ… TIME VIOLENTO, BLÁ BLÁ, GANHOU NA SORTE! BLÁ!”. Pla cada “blá” ouço, implícito, um “BUÁ”. CHOLA MAIS!!!

    “Se não fosse (tão difícil), não seria o Grêmio. A gente mostrou que não
    é aquele tiki-taka, futebol bonito. Jogamos o que tem que ser jogado e
    estávamos prontos para buscar o resultado”. (Pedro Geromel, zagueiro).

    Os ANTI pira!

    • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

      Amigo, tens razão, quem conhece Libertadores vai lembrar do Timaço do Flamengo dos anos 70 e 80 com:

      Raul, Leandro, Marinho, Mozer e Junior.
      Andrade, Adilio e Zico.
      Tita, Nunes e Lico.

      Se esse Timaço teve que parir uma bigorna pra ganhar apenas uma Libertadores e chegou apenas numa final na história jogando aquela bola federal, porque para “os antis” o Grêmio do Renato tem que dar espetáculo com o tic tac na Libertadores que sempre foi disputada com pegada, brigada e com muita raça ?????

      Não é fácil ser Gremista no Texas, os caras estarão sempre pensando que meia duzia sabem mais que 9 milhões. Pois é.

      Oremos, amigo ….. !!!!

      • Pedro de Lara

        Comparar a LA dos anos 70 e 80 com as de hoje é ignorância.
        Mas, o que esperar do Bobalhão de Tudo?

  • wilson santos

    Vamos precisar do velho Gremio copeiro, raçudo e peleador pra vencer essa LA.
    Dar carrinho e fazer faltas, matar jogada sim…joguinho bonito sem sujar a bunda nao ganha a LA.

  • Heraldo

    PQP… River Plate ressurgiu das cinzas.

    • gremiocampeaomundial

      É bom time mas não podemos temer.

      Além disso é bom time mas o placar é culpa do vizinho do Pimentinha (George Wilson).

      Falei que isso aí (George Wilson) não era time.

    • Ilgo Wink

      acho que rolou muita laranjada

      • Diogo S

        River: Time comum e brigador, nada além. Não se assustem, J.WilStermann entregou porque inexiste no futebol. Se venderam não é de se surpreender.

        Tenho medo é desses equatorianos corredores, pilhados e fortes fisicamente.

        Se o Grêmio voltar a jogar o que jogou há 1, 2 meses, não há Barcelona, River, Lanús. É nossa.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Não acho, tenho certeza.

    • Rezende

      So para esclarecer o River que fez 8 x 0 é o mesmo time que tomou de 3 na Bolívia.
      E o Inacio Sccoco que ontem fez 5 gols e uma assistência, nada jogou quando estava no nosso rival e estando no River a menos de 3 meses, depois do 3 x 0 lá na Bolívia, estava em vias de ser barrado pela pressão da torcida pois estava jogando tanto quanto no Binter…

      O que difere mesmo é a POSTURA do time, o Grêmio fez uma partida similar contra o Zamora fez 3 x 0 no primeiro tempo e fez o quarto gol aos 16 minutos do segundo tempo. MESMO sabendo que precisava de mais 2 ou 3 gols a mais para fazer a segunda ou a MELHOR campanha da fases de grupo da Libertadores PREFERIU desacelerar e se poupar em campo diante de um frágil e inteiramente reserva ZAMORA.
      O River Plate fez 4 no primeiro tempo e com menos de um minuto do segundo tempo fez o quinto e ainda fez mais três gols.

      Esta diferença de TEMPERAMENTO e postura é que PODE derrotar o Grêmio numa disputa direta com o River Plate na final.
      Mesmo o Grêmio INTEIRO ainda ser mais time que o River.
      E esta é minha principal crítica da postura e mentalidade de jogo do Renato que passa para o grupo de Grêmio e que eu SEMPRE critico.

      Nisto tenho inveja dos argentinos, do River e Lanus, vamos ter de JOGAR BOLA e no nosso nível mais alto

  • Detective

    Prezado Ilgo e amigos: Os mais jovens não devem, certamente, ter conhecimento da antiga Revista do Grêmio, que circulava nos anos 60/70. Pois lembrei-me, estimulado pelo caso da colorada Luciana Kroeff no Conselho do Grêmio, do jornalista Cláudio Dienstmann, notório colorado, que recebia do Grêmio como articulista. Incrível como possa parecer, o ex-Presidente Koff mantinha um sócio colorado como seu secretário de confiança… Abraços.

    • gremiocampeaomundial

      Quero só saber se você está ciente das (inúmeras) diferenças entre os dois casos.

      Mas valeu pelo registro. Observadas as diferenças a que aludi acima, é uma curiosidade interessante.

      • gremiocampeaomundial

        O Koff também orientou o Pedalado no Clube dos 13, evitando que o PIFA fosse rebaixado no meio da década passada. Eu tive o imenso prazer de ouvir o próprio Pedalado na estréia dele no Sala de Babação falando sobre isso. Quem quiser ouvir, procure. Está lá pelos 40 min.

        Todos aqui devem ter amigos, colegas e familiares que torcem pelo rival. Você deixa de contratar alguém pelo time que a pessoa torce, como empresário?

        Escrever em revista no máximo dá prejuízo moral e isso é facílimo de observar. É o tipo de função que pode ser o cara mais gremista do mundo, se fizer melda é fácil de ver, provar e mandar andar.

        Agora me diz que interesse existe num torcedor rival em criar, auditar e aprovar projetos, enfim DELIBERAR, já que o nome é Conselho DELIBERATIVO?!

        Me diga também como dá pra comparar uma função como a citada antes, em que eu mostrei ser fácil observar um erro, com a função exercida pelos membros do CD? O mesmo CD que avalizou as meldas do Odone – e com todos os defeitos que possa ter o Odone é gremista – ? Eram todos colorados então? Como a gente acusa má-fé? E se não houver má-fé, como ficam as omissões e desinteresse? E quando faltar gente qualificada pra tocar o departamento de futebol, não poderia ter outra pessoa sentada ali? Ou ela sabe muito de futebol e vai botar isso a nosso favor de forma isenta e honesta (inclusive se fosse este o caso – não creio ser – EU ainda a receberia pessoalmente e com um bouquet de flores pra dar as boas vindas)?

        Pois é.

  • gremiocampeaomundial

    Da série – “Você sabe que seu rival apequenou-se quando”:
    – No blog da torcida deles estão eufóricos com a goleada de um clube que, além de não ser o deles, ainda NEM É nosso adversário na próxima fase…

  • Paula Tejando

    Que sufoco…

    Ontem foi jogo para assistir num quarto de hospital com 2 cardiologistas próximos e desfibrilador do lado.

    Do time que vinha encantando todos só sobrou a lembrança. O que terá acontecido???

    Não é possível terem desaprendido a jogar mesmo com a falta do PR e do Luan. O que vi é que o Fernando na esquerda é uma negação e na direita quase. Muitos chamam de peladeiro…

    Ramiro é outro que caiu de rendimento faz tempo. Passamos mas aos trancos e barrancos.

    Vamos ver se Romildo vai fazer bom uso das receitas e contratar as peças necessárias liberando os que não funcionaram e que são muitos…

    Num 20 de setembro a torcida gremista deu apoio. Agora a resposta positiva tem de vir do grupo e da direção.

    Vamos Grêmio…

    • Antonio

      Fake de novo

      • Ilgo Wink

        colorado enrustido, só pode

        • Antonio

          Não dá prá entender. Ficam copiando comentários dos outros e postando em outros blogs. Qual será o prazer de fazer isso?

        • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

          Pois é, aí gente fala e eles se acadelam. Bah …..

          • Pedro de Lara

            Fala, Copião. Onde tu andou, rapá???
            Segunda lua de mel com o Pentaluppi??? Pudera, puta vitória, né??
            Só comemorando muito.
            Parabéns. E extende a ele.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Já se mandou, é anti. Normal.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Viu “eu disse”, taí.

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Viu, eu disse, taí ….. kkkkk.

  • nelsongz2

    Não sei a partir de quando o Fernandinho passou a ser utilizado pela direita, mas sei que ele surgiu, como grande promessa, jogando pela esquerda.
    Gosto mais dele jogando pela direita, mas não é absurdo escalá-lo pela esquerda, numa emergência.

    O substituto do Pedro Rocha pode ser Arroyo (foi contratado para isso), Éverton ( se recuperar o futebol que já jogou), Beto da Silva (por alguma razão ele já jogou na seleção peruana…), ou alguém deslocado para aquele lado (Patrick, Cristian), mas eu acho que será o Arroyo (precisa de sequência de jogos).

    • wilson santos

      Eu apostaria em Patrick.
      Mas Cristian???

      • Fabiano Adamy

        Corneteando quem nem estreou???

        • wilson santos

          Nao eh corneta, meu caro.
          Por acaso voce sabe em que posiçao Cristian joga…pois eh, volante. Agora pergunto, quem em sã consciencia escalaria Cristian no lugar de PR?
          Quer jogar com 30 volantes?

          • nelsongz

            Se fosse possível jogar com um goleiro e trinta volantes que saibam jogar e chutar, como os que o Grêmio tem, contra onze adversários, 31 contra 11, hummm, seria uma boa alternativa.

      • nelsongz

        Cristian é um volante multi-funcoes, que chuta bem e costuma fazer golos.
        Não seria a minha alternativa, por isso o citei sem explicações, mas como Ramiro vem mal, se não recuperar o seu futebol, achei que seria preferível colocar Fernandinho pela direita, com Cristian pela esquerda, do que manter o Ramiro e colocar o Fernandinho pela esquerda.

        No momento, eu daria chances ao Arroyo e, se ele aprovar, como acho que vai acontecer, ganha a titularidade.

        • wilson santos

          Tudo bem Nelsongz…entendi, soh não concordo. Na minha opiniao, Cristian pode ser um bom primeiro ou segundo volante. Entendo que ele não tem dinâmica para jogar mais avançado.

  • Luis Augusto Waschburger

    Ontem assisti Lanús x San Lorenzo.
    O Lanús tem algumas coisas interessantes no ataque. Velocidade, triangulações e um meia habilidoso que distribui o jogo.
    Não é galinha morta.
    A defesa parece não ser lá essas coisas, apesar do goleiro ter se consagrado nos pênaltis.
    Só eu achei que ele se adiantou no primeiro pênalti que defendeu?

    • Alexandre

      Não vai ser fácil pro River não, apesar de achar os Millonarios favoritos.
      O Lanús tem um time bem organizado e está acostumado a jogar contra o River, não irá se acadelar como o Wilstermann (foi recentemente campeão argentino até).
      Claro que por tradição e torcida, eu preferia enfrentar o Lanús em uma possível final, mas será difícil com ambos.

      PS: Os goleiros sempre se adiantam.

      • Luis Augusto Waschburger

        Melhor Lanús e jogar a 2ª fora ou a tradição do River e decidir em casa?

        • Rodrigo Mello

          Acho ambos difíceis, pedreira da mesma forma, mas nem quero pensar, tem que passar primeiro pelo Barcelona, um passo de cada vez,para não me decepcionar que nem contra o Cruzeiro.

          • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

            Grêmio x River na final, amigo ….. os anti Renato, pira. Que lindo.

        • Alexandre

          Eu não vejo problema em decidir fora. Sempre lembro daquela vez contra o Boca, onde chegamos mortos no Olimpico.

  • Pedro de Lara

    Bah. Eu estava lá. Estou muito feliz pelo resultado.
    A direção foi muito competente em aproveitar o 20 de setembro como mote para inflar a torcida e criar um clima positivo. Neste momento de crise técnica e de identidade, quando vários jogadores perderam a confiança, visível em todo primeiro tempo, só a torcida e o clima construído no estadio para empurrar o time até a vitória.

    Sobre o jogo, nada a acrescentar aos comentários já postados.

    E, já percebi que a única maneira (foi o que restou) de tentarmos conquistar a LA será na base do vamu-que-vamu. Não que seja o melhor caminho. É que o futebol envolvente e encantador, o melhor do Brasil, SE PERDEU no planejamento do futebol, nos campos de “treinamento” e na salinha do comandante.
    Para o regozijo de alguns.

    E vamos combinar uma coisa: há os que gostam de TÍTULOS, porque vivem uma vida de EU TENHO VOCÊ NÃO TEM, da gozação com o colega do trabalho e com o vizinho, em 5 possíveis grandes momentos num ano e os que gostam de FUTEBOL, jogo-a-jogo, 90 minutos, 2 vezes por semana, mérito, qualidade, esforço, trabalho. Estou com a segunda opção.

    • Antonio

      Qui loucura. Sem comentários

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Desista, é mais fácil. É só bloquear como eu fiz a mais de 30 dias. Bingooooo.

      • Diogo S

        O cara não quer TÍTULOS, e sim MÉRITOS E ESFORÇO!! kkkkkkkkkkkk. Mas de onde saiu essa Lorpa humorista?

        • Pedro de Lara

          Copião. Eu nunca esperei que tu pudesses entender isso.
          Não com esse teu cérebro de ervilha.

          • Diogo S

            Ao contrário de ti, não sou fake de ninguém, imbecil.

    • Eder

      Estava na torcida do Botafogo?

      • José da Silva – COPIÃO DE TUDO

        Alguma dúvida ?????

  • Antonio
  • Daniel Scherer

    E pelo jeito vai continuar a frescura de poupar todo o time. PQP, mas não estão vendo que esse “planejamento” está errado?? Será que é tão dificil de enxergar que o time perdeu a naturalidade e está visivelmente jogando menos, que jogador tem que jogar???

  • Paulo Herrmann

    Passada a emoção da grande vitória de quarta (grande pelo resultado e não pelo futebol), já começamos a especular como serão os confrontos. Ontem o River deu uma tunda no tal de Jorge de dar pena. Confesso que fiquei um pouco desconfiado, tamanha a facilidade com que fazia os gols. No outro confronto o Lanus conseguiu liquidar com o time do Papa nos penais. E assim ficaram os confrontos:

    Grêmio x Barcelona Guayaquil
    River Plate x Lanus

    Portanto, temos 30 dias para azeitar o time e chegar nesses confrontos contra o Barcelona na ponta dos cascos. Tempo de sobra para deixar Luan e Geromel totalmente recuperados e com ritmo de competição. Tudo certo, né? Errado!! Pois para a minha surpresa, hoje vejo os relacionados para o jogo de domingo na Bahia e os 2 estão fora dos relacionados. Mas será que irão continuar com essa frescura de poupar novamente? Será que não aprenderam a lição? Será que vão teimar de novo? Será que eles pensam que os deuses do futebol estarão sempre do lado gremista, mesmo com a repetição dos erros?
    Eu já estou cansado! Que abandonaram o brasileiro eu já sabia. Já estou conformado. Mas que usem para deixar o time ajustado. Treinado. Com as engrenagens funcionando perfeitamente. Mas não. Vão poupar. E parece que Jael será titular. Ah, e não paramos por aí: Jael foi inscrito na Libertadores. Será que esse jogador é tão importante no conceito do Renato para estar a frente de Everton? Esse cidadão sequer consegue dominar uma bola. É uma briga ferrenha contra a gorduchinha. Jael x Bola.
    Olha, é difícil ser gremista…

    • Eduardo

      Mas não chega a ser obrigação, ou é?
      Cara se tá tão difícil pra ti, troca, até pq se vice colocado no Brasileirão e semifinalista na Libertadores esta difícil pra ti, compra uma camisa do Corinthians e vira Fiel.
      Ou faz um curso e desbanca o Portaluppi pois conheces mais o futebol do que ele e assim, antes e melhor que o Renato, ja sabes que Jael definitivamente ‘briga com a bola’ e tb deves ter sido contra a contratação do Cortez do Léo Moura e do Michel.
      Abraços,